30 de jan de 2006

Dieta do Sangue

0 comentários

No último programa Globo Reporter de 27/01/2006 foi citada a Dieta do Sangue que vc pode conferir no link abaixo.

http://globoreporter.globo.com/Globoreporter/0,19125,VGC0-2703-9371-3-148430,00.html

27 de jan de 2006

Bege Coral e Flores

2 comentários
Com base numa receita de blusa distribuída no meu grupo de crochê, brincando com a Camila Fashion e sementes de açai, resultou nestes Colares para o Verão:

http://geocities.yahoo.com.br/luamigarj/BEGECORALFLORES.jpg

AnArtes

26 de jan de 2006

Blusa em Motivos

1 comentários

Esta receita eu segui direitinho, só usei a linha Camila multicolorida porque eu achei lindinha. Foi a segunda blusa que finalizei o ano passado:

http://geocities.yahoo.com.br/luamigarj/CoralFloresANARTES.jpg

AnArtes

Primeira em Motivos

1 comentários
A primeira blusa não se esquece... e não ficou como eu imaginava.
Na época era moda batinha, fui fazer ficou rodadinha. Agora cadê paciência para desmanchar... os outros motivos prontos estão a me esperar... me aguardem (risos).
AnArtes

18 de jan de 2006

A cada dia....

0 comentários

Cada dia deve ser vivido intensamente, independente de ser um dia positivo ou não.O importante é que este enriqueça o seu aprendizado.

Estamos em constante evolução, portanto não é recomendado àqueles que desejam o crescimento abster-se do aprendizado, da oportunidade em revidar o mal estar, transpondo os desafios da vida e os obstáculos da própria mente.

A cada semente plantada, uma nova árvore crescerá.

A cada experiência vivida, um conhecimento, uma técnica, novas ferramentas para manusear obstáculos e atitudes geradoras de paz e harmonia.

A cada dia novos tijolos se somarão na construção de seu castelo, basta que permita aprender nas tristezas e nas alegrias, nas vitórias e nas derrotas, basta que permita viver.

16 de jan de 2006

Gargantilha Branca

1 comentários


Esta gargantilha foi confeccionada com a Linha Camila Brilhante (similar a Negrinha) e agulha de crochê nº 3.
Apesar de parecer estar pronta, esta gargantilha branca não foi ainda finalizada, pois observei que existem idéias similares na internet e que irá compensar a inclusão de mais canutilhos. Mesmo assim será bom ter um parâmetro do "antes" e "depois".
Esta arte faz parte do meu projeto "Festas".

AnArtes

Ensaios de Janeiro - Sandália Azul

0 comentários


Chegou verão e tive uma outra idéia, a de customizar com flores uma sandália de borracha cor azul.
Quem sabe para cair na folia no Carnaval de 2006?
Mas para mim é bem confortável no verão do Rio de Janeiro.

AnArtes

9 de jan de 2006

Ditado Chinês, leia é muito interessante.

0 comentários
DITADO CHINÊS - Como vencer o desânimo!
Vocês têm idéia de como podemos fazer isto? Então me acompanhe na história!
Um grande carro de luxo parou diante do pequeno escritório à entrada do cemitério e o chofer, uniformizado, dirigiu-se ao vigia.
- Você pode acompanhar-me, por favor? É que minha patroa está doente e não pode andar, explicou. Quer ter a bondade de vir falar com ela? Uma senhora de idade, cujos olhos fundos não podiam ocultar o profundo sofrimento, esperava no carro.
- Nestes últimos dois anos mandei-lhe cinco dólares por semana.
- Para as flores, lembrou o vigia.
- Justamente. Para que fossem colocadas na sepultura de meu filho.
- Vim aqui hoje, disse um tanto consternada, porque os médicos me avisaram que tenho pouco tempo de vida. Então quis vir até aqui para uma última visita e para lhe agradecer.
O funcionário teve um momento de hesitação, mas depois falou com delicadeza:
- Sabe, minha senhora, eu sempre lamentei que continuasse mandando o dinheiro para as flores.
- Como assim? Perguntou a senhora.
- É que... A senhora sabe... As flores duram tão pouco tempo, e afinal, aqui, ninguém as vê...
- O senhor sabe o que está dizendo? Retrucou a senhora.
- Sei, sim minha senhora. Pertenço a uma associação de serviço social, cujos membros visitam os hospitais e os asilos. Lá, sim, é que as flores fazem muita falta. Os internados podem vê-las e apreciar seu perfume. A senhora deixou-se ficar em silêncio por alguns segundos. Depois, sem dizer uma palavra, fez um sinal ao chofer para que partissem.
Apenas alguns meses depois, o vigia foi surpreendido por outra visita. Duplamente surpreendido porque, desta vez, era a própria senhora que vinha guiando o carro.
- Agora eu mesma levo as flores aos doentes, explicou-lhe, com um sorriso amável. O senhor tem razão. Os enfermos ficam radiantes e faz com que eu me sinta feliz. Os médicos não sabem a razão da minha cura, mas eu sei, é que reencontrei motivos para viver. Não esqueci meu filho, pelo contrário, dou as flores em seu nome e isso me dá forças.
Esta senhora descobrira o que quase todos não ignoramos, mas muitas vezes esquecemos. Auxiliando os outros, conseguira auxiliar-se a si próprio. Quantas vezes o desânimo foi responsável pela derrota, perda ou mesmo desistência de um objetivo. Precisamos estar com o coração firme, e buscar propósitos para transformarmos-nos e derrotar o desânimo que pode se alojar em nossa vida. Não permita que o desânimo seja um causador de derrotas em suas vidas. Reaja ainda hoje, começando a desejar fazer deste dia um BOM DIA! (autor desconhecido)

2006 chegou ....

0 comentários

... para recuperar tempo perdido... traçar novas metas e amar muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito
meus filhotes :) e dar um empurrãozinho neles, aceleeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeraaaaaaaaaaaaa !!!!

Receitas novas todas diet... hummmm
Arroz-doce diet Doce de arroz com Leite em Pó Molico Granulado A e D.

Ingredientes
1 xícara (chá) de arroz lavado e escorrido,1 pedaço de canela em pau, meia xícara (chá) de adoçante granular, 3 colheres (sopa) de Leite em pó Molico Vitaminas A e D ,3 cravos-da-índia canela em pó para polvilhar.
Modo de Preparo: Em uma panela misture o arroz com quatro xícaras (chá) de água e a canela em pau. Leve ao fogo e cozinhe em fogo baixo, com a panela semitampada, até cozinhar, mas conservando um pouco do líquido. Junte o adoçante e o Molico dissolvido em uma xícara (chá) de água. Cozinhe por mais 1 minuto e desligue. Sirva morno ou frio, em taças, polvilhando canela em pó. Rendimento: 6 porções

2 de jan de 2006

ANO NOVO!

0 comentários
Um Ano Novo vai chegar à estação.
Se não puder ser o maquinista, seja o seu mais alegre passageiro.
Procure um lugar próximo à janela e desfrute cada uma das paisagens que o tempo lhe oferecer, com o prazer de quem realiza a primeira viagem.
Não se assuste com os abismos, nem com as curvas que não lhe deixam ver os caminhos que estão por vir.
Procure curtir a viagem da vida, observando cada pessoa, cada arbusto, cada riacho, beirais de estrada e tons mutantes de paisagem.
Desdobre o mapa e planeje roteiros.
Preste atenção em cada ponto de parada, e fique atento ao apito da partida.
E quando decidir descer na estação onde a esperança lhe acenou, não hesite.
Desembarque nela os seus sonhos...

Desejo que a sua viagem pelos dias do próximo ano, seja de PRIMEIRA CLASSE.

Feliz Ano Novo!!!

(não conheço o autor)